Publicado por: ceramicapatriciahenriques | 24/09/2016

a primavera bate a nossa porta

Dia 22 de setembro minha estação do ano preferida nasceu.

E com ela, trago um mosaico de fotos, das peças que construo para sua chegada.

Estas peças estão expostas aqui no ateliê, querendo visitar é só me contatar!

Bom final de semana primaveril!

Publicado por: ceramicapatriciahenriques | 23/09/2016

fim do Facebook! (do ateliê…)

Pessoas que passam de vez em quando por aqui…encerrei minha conta do Facebook.

Agora, uso como rede, para divulgação de meu trabalho, além deste singelo blog, o instagram que é @patriciahenriques2015.

Há um link nesta página que leva vc diretamente à ele.

Lá há um grande panorama visual do meu trabalho.

Beijos!

Lapide virtual

Lapide virtual

 

Publicado por: ceramicapatriciahenriques | 16/09/2016

Novas xícaras “Querência”!

O estudo, dos utilitários, é muito interessante. São tantas opções de forma. Desenhar, modelar, refazer o projeto é  a rotina que gosto. Perceber a funcionalidade, conforto da peça nas mãos,  o vidrado macio. E hoje, além das novas peças resolvi colocar os outros modelos já feitos. O nome desta nova  família de xícaras é Querência! A palavra nos dá o sentido de lugar aonde fomos criados, no sentido de voltar “à origem, a terra tão amada! E abaixo, um mosaico do caminho desta trilha…

foto-com-logo

 

 

 

Publicado por: ceramicapatriciahenriques | 25/08/2016

Painéis e a cerâmica

Desde que comecei a fazer cerâmica, eu sempre imaginava minhas peças nas paredes. Além da ideia de revestimento que tanto conhecemos há séculos, com as pastilhas usadas em mosaicos, peças mínimas que justapostas formam um belo desenho. Sempre pensava no tridimensional na parede. Na graciosidade que a luz incidindo pode nos dar em suas sombras.

Alguns exemplos

DSC01776

arvore com passaros

 

Publicado por: ceramicapatriciahenriques | 22/08/2016

Encomenda pronta, 1 , 2, 3…

projeto felicidade

Publicado por: ceramicapatriciahenriques | 02/08/2016

Meu jardim, seu jardim!

Gosto muito da ideia de fazer da casa um jardim. Seja com algumas plantas e objetos, que nos passe a sensação de oásis – aliás a nossa casa precisa ser um oásis. Ao chegarmos a casa e tê-la bonita, cheirosa, aconchegante…me digam quem não gosta desta sensação após um dia de trabalho?

Cerâmica, madeira e plantas,  para mim é a receita do aconchego.

Lavanda, rosa branca também,…girassóis então…e numa cerâmica bonita…hummm, só falta o cheiro do bolo da avó. Parece bobeira mas é de um efeito, uma casa bem cuidada e esse aroma!

Boa semana e aqui um registro do meu pequeno jardim!

Quer um jardim para vc? É só me chamar!

pituca nova

 

Publicado por: ceramicapatriciahenriques | 25/07/2016

Estudar é preciso…

Há tempos, não dou a devida atenção a este espaço. Portanto…vamos lá.

Depois de aulas no primeiro semestre, no qual fui professora e aluna (e me sinto grata pela oportunidade de lidar com pessoas…) e vivi de novo a chance de participar de um grupo. Dizem que o inferno são os outros…eu digo: esses outros são ilhas de um paraíso. Nas diferenças, as aprendizagens. Na discordância, um novo horizonte. Nos educamos a vida inteira…quem estuda sabe pouco.

E agora, um caminhar de pesquisas e resultados…principalmente no mundo dos esmaltes…faço reverência a minha querida professora, Flávia Vanderlinde, sem ela esses resultados seriam impossíveis. Sigo em frente  pelo entendimento, por esse educar constante, essa formação contínua perseguida. Aluna para sempre, me inscrevo nessa escola da vida,  com a certeza do Millor…”o importante é ter sem que o ter te tenha…”

Para aulas, com a professora Flávia sobre vidrados cerâmicos, escreva para-> vanderlinde3@hotmail.com

IMG_20160725_103740

Azul nebulosa, queimado a 1260

Publicado por: ceramicapatriciahenriques | 09/04/2016

promoção até o final de abril…

Pessoal, até o final de abril o ateliê terá várias peças em promoção.

Usarei o facebook, para divulgar os modelos e preços. Como a minha produção não é  “gigantesca” são peças feitas à mão, com pinturas feita a pincel, haverá modelos antigos. Mas colocarei também alguns “filés em promoção” …

Acompanhem pelo perfil no face e no instagram.

Sei que o instagram dá para vc ver aqui ao lado ==>> no barrado da página se voçê estiver usando um notebook.

Beijo! E quem quiser me visitar, por favor é só agendar comigo! Estou na Brigadeiro Luiz Antonio!

11 994708693

🙂

Olha os bonitos de 120,00 por 80,00 cada peça

DSC04654

 

Publicado por: ceramicapatriciahenriques | 11/03/2016

namoros, noivados e casamentos…

É muito gostoso participar desses preparativos que envolvem a produção de uma cerimônia de casamento. A noiva empolgada, o vestido ( ahhh o vestido a gente adora!), o lugar, os doces e toda a harmonia e graça que a decoração do ambiente pode passar aos convidados. Afinal, essa produção a gente faz uma vez na vida, não é mesmo?

Durante esses anos de ateliê, algumas noivas me procuraram para produzir algumas lembranças, ou mesmo peças para a decorar o ambiente da cerimônia.

Este ano, em especial, comecei com o casamento da Sandra, e para ela fiz belos passarinhos que receberam alguns arranjos florais. Uma lembrança para cada convidado. Na expectativa que o amor tome conta de suas vidas.

12399294_1015983765125227_92098091_n (1)

E recentemente, trabalho, com mini passarinhos para o casamento da Lilian…uma  expectativa que também é minha…para saber como ficará o resultado desse trabalho.

peças casamento lilian

Olha… se vc for uma noiva e precisa de algo que represente seu amor, sua história de carinho, por favor, entre em contato!

 

 

 

Publicado por: ceramicapatriciahenriques | 16/01/2016

Shoko Suzuki: presente de ano novo

Hoje, ganhei um presente. E não foi um presente qualquer. Conheci o ateliê da admirada Shoko Suzuki. E o mais bacana é perceber a pessoa humorada que ela é no auge dos seus 87 anos.  Ivone Shirahata, do Ateliê Terra Bela em Cotia,  é a guardiã da obra da Shoko e nos recebeu e nos acolheu nessa visita.

Saber a história da artista é uma benção. Shoko é de uma família de Samurais. Não poderia passar por lá e não deixar esse registro aqui no blog. Inclusive, durante  muitos anos uma série de documentos e mapas estavam em seu poder . Importantes documentos de sua família que representam parte da história de um Japão muito distante de nós. Shoko inclusive, foi ao Japão para deixar essa documentação com seu país em um museu local.

Fotografei até um mapa de estratégia de guerra, de seus ancestrais samurais, que a Shoko devolveu ao Japão. Ainda, nessas fotos há  um documento com nome “ preceito de conduta para o espadachim”

Como não se encantar com esse universo?

E também  perceber , inclusive, o que é comum na história da arte, que o trabalho do artista ceramista, ( no tempo de formação da Shoko) era um trabalho do universo masculino. E que as artistas mulheres eram minoria. A Shoko é uma mulher a frente do seu tempo, assumindo um trabalho entendido como ”pesado  ou pouco feminino”…o tempo nos favoreceu…

Outro ponto, é a poética da artista. Ela encara o tempo como parte do processo e nos diz ”Cerâmica não se faz agora” (!)

Sua mais recente série de trabalhos “Cosmos” é executada pela artista reverenciando a natureza e sua manifestação. Ela inclusive produziu uma série de peças que para mim são amuletos e pequenos Cosmos que vc pode ter consigo…

Em um encarte sobre o seu trabalho ela diz: “…acho que as experiências e sofrimentos durante a Segunda Guerra Mundial, me levaram a pensar sobre o sentido da vida, entre outros motivos. Desde aquela época, passeia a experimentar uma sensação muito especial ao estar envolvida com as cerâmicas, algo como o amor, harmonia, delicadeza e de vida em si. Com a cerâmica, sinto como estivesse protegida por um profundo carinho materno e, ainda, tomada por um misterioso sentimento de que isso é duradouro. Foi por isso que me apaixonei pela cerâmica”.

Esse encontro, foi muito fascinante e me deixou muito pensativa. O valor dessa tarde para mim é inestimável.A sorte de encontrar Sandra Tenguan que me convidou e me levou até Ivone, o carinho, a atenção, a reverência, o respeito. Tantas delicadezas. Esses momentos me fizeram voltar a pensar sobre arte, poética e relembrar antigas perguntas …O que pode ser a Arte? Será que de maneira particular, os trabalhos artísticos sabem encarnar a universalidade dos afetos humanos?

Older Posts »

Categorias